Série: Empreendedorismo na Prática

Essa é uma série de artigos sobre como lançar um produto no mercado, inspirado no podcast americano “Startups”. Os artigos são escritos durante o desenvolvimento do produto Booksmart, e descrevem a produção e marketing de um novo produto, seguindo as receitas dos melhores pensadores de empreendedorismo no mundo.

Capítulo 1: Da ideia ao produto

De onde surgem ideias para produtos

Muitas pessoas, ao buscar o caminho do empreendedorismo, esbarram na falta de ideias que sejam ao mesmo tempo inovadoras e que satisfaçam uma necessidade de um público-alvo.

Empreendedores têm mais sucesso quando olham ao seu redor para buscar ideias. Uma pessoa que trabalha em finanças terá muito mais chances de sucesso se lançar um produto na sua área de atuação do que em saúde, por exemplo. Ela conhece muito melhor os consumidores, os players e as nuances daquele mercado, o que é uma grande vantagem competitiva.

Além disso, na hora de buscar investidores e atrair talentos (sejam co-fundadores ou primeiros funcionários), ajuda muito ser reconhecido como um expert no assunto. Isso inspira a confiança de que, mesmo quando não experiência em criar empresas, o empreendedor pelo menos conhece bem o mercado onde está inserido.  

Por isso, recomenda-se:

  1. Focar em resolver seus próprios problemas ou de pessoas próximas (clientes, amigos, seguidores, familiares)
  2. Criar ou inserir-se em uma comunidade voltada para o tema com que se identifica
  3. Buscar ser percebido como uma referência em determinado assunto

A ideia para o Booksmart surgiu da observação do comportamento dos seguidores do GrowthHack.com.br com nosso conteúdo. Criamos o GrowthHack para desenvolver uma comunidade brasileira em torno de uma nova modalidade de marketing chamada “growth hacking” ou “growth marketing”. Nós ministramos um curso online, prestamos consultorias e organizamos um evento anual em São Paulo sobre o assunto.

Além disso, toda sexta-feira, enviamos aos nossos seguidores um email com “drops” de conteúdos sobre o tema, chamado Curtas de Sexta. Nos Curtas há sempre uma sugestão de livro, que é quase sempre o link mais clicado do email. E com esse link notamos (sem muita surpresa) que livros em português eram muito mais populares do que livros em inglês.

Além disso, percebemos que as pessoas apreciam o fato de que existe uma curadoria por trás das recomendações. Nós sempre lemos os livros e escrevemos um pouco sobre eles antes de recomendar. Isso poupa muito tempo, que é um recurso escasso para empreendedores (que são a maioria dos nossos seguidores).

Foi aí que tivemos a ideia para o Booksmart. No Booksmart, disponibilizamos livros sobre empreendedorismo e marketing, resumidos em português para serem consumidos em até 15 minutos.

Com o Booksmart nós queremos ampliar o acesso a livros importantes sobre marketing, empreendedorismo, negócios, etc. Principalmente o acesso àqueles livros que não são traduzidos para o português (ou que demoram muito a chegar no Brasil).

Além disso, queremos facilitar o acesso às lições centrais desses livros, que muitas vezes ficam “escondidas” dentro de um conteúdo frequentemente alongado de propósito para “dar um livro.” Para o empreendedor, o que importa é saber o mais rápido possível se (e como) determinado conteúdo pode ajudar a sua empresa. A partir dali, se for útil, ele pode comprar o livro e se aprofundar mais no assunto.

Buscando ideias similares no mercado

Após a ideação do produto, nosso primeiro passo foi vasculhar o mercado para ver se já haviam outros produtos similares.  

Muitos empreendedores desistem quando vêem produtos similares no mercado. Para mim, o fato de não haver nada parecido é na verdade um mau sinal. Provavelmente significa que o problema não é importante o suficiente ou a solução não é tão relevante assim para o usuário (ou o mercado para a solução não é grande o suficiente).

Obviamente que encontramos alguns produtos estrangeiros que buscam resolver o mesmo problema e não deixamos de aprender com o que eles fizeram para inspirar o nosso próprio desenvolvimento. E não há nada de errado nisso.

Próximo capítulo: Validação da ideia e transformação em produto

No próximo post falaremos sobre como validamos a ideia. Ou seja, veremos como verificamos se há de fato um mercado para o Booksmart, da maneira mais barata e segura possível.

ramon bez

Ramon Bez

Sobre o autor

Ramon Bez é especialista em growth marketing e um leitor viciado em livros de não-ficção. Ele já trabalhou em diversas startups brasileiras, europeias e americanas, incluindo o ResolveAí, BraveNew, Tourradar e Compass. Ele também é o fundador do site GrowthHack.com.br e co-organizador da Growth Hacking Conference. Seu novo projeto, o Booksmart, é um serviço que disponibiliza resumos de livros de marketing, negócios e empreendedorismo, em português, para serem consumidos em menos de 15 minutos. Você pode se inscrever para receber atualizações sobre essa série e sobre o produto em si seguindo esse link.