Gestão de talentos eficiente permite desenvolvimento de Startups

Atrair e recrutar bons profissionais é o desejo de qualquer empresa, mas no caso das startups encontrar pessoas qualificadas é ainda mais essencial para desenvolver o negócio. Em muitos casos, inicialmente a empresa se vê impossibilitada de oferecer altos salários, mas ao executar uma eficiente gestão de talentos e optar por uma gestão estratégica de pessoas é possível alcançar excelentes resultados.

Como realizar a gestão de talentos?

A gestão de talentos se trata de atrair profissionais que se destacam no mercado de trabalho. Com recursos financeiros limitados, é possível despertar o interesse por meio de diferenciais como dinamismo, flexibilidade de horário e possibilidade de crescimento ao estimular riscos e desafios.Esse processo envolve quatro etapas:

  • Planejar e atrair;
  • Integrar e desenvolver;
  • Avaliar e orientar;
  • Engajar e reter.

Sendo assim, é importante que, além de atrair, a empresa tenha condições de desenvolveresses profissionais para mantê-los incentivados a crescer, como por meio de cursos, palestras, coaching e treinamentos. Startups atuam diretamente com criação, sendo a inspiração e o estímulo à criatividade características fundamentais para consolidar resultados no mercado e permitir que a empresa alcance seus objetivos.

A atração, seleção, retenção e desenvolvimento de um profissional qualificado será fundamental para empresas que acreditam que o investimento humano é o maior diferencial que uma companhia pode ter. Neste contexto, a gestão de talentos estará relacionada também com a gestão estratégica de pessoas.

Como melhorar resultados investindo em profissionais?

Uma empresa que busca crescer e se atualizarfrente aos concorrentes deve sempre ver seus colaboradores como uma oportunidade de desenvolvimento. Nas startups essa ideia deve ser ainda mais trabalhada pelos empreendedores, que devem se manter ativos no planejamento e também na execução das atividades.

Essa proximidade e trabalho conjunto com os sócios permite que os colaboradores desenvolvam o “senso de dono” ou o termo criado por Jorge Paulo Lemann: “PSD” – Poor, Smart, DeepDesiretoGetRich. Esse perfil indica profissionais que, realmente, “vestem a camisa da empresa” e querem que o negócio cresça com o objetivo de crescimento pessoal e profissional junto com a companhia.

As startups têm como um dos seus principais diferenciais a forma inovadora como é promovido o relacionamento com seus colaboradores, aumentando níveis de satisfação e desempenho, identificados por meio de pesquisas internas ou sessões de coaching. É fundamental que os empreendedores saibam aproveitar essas oportunidades para expandir seus negócios.

kronberg

Guest Post Por:

Grupo Kronberg

“Customizamos soluções de negócios para clientes corporativos, com o objetivo de alinhar o engajamento emocional com a promessa de marca do cliente.”

Quero Escrever um GuestPost