Oi gente!

Startups em expansão nem sempre podem ter gerentes em todos os lugares, na maioria das vezes, o motivo é que é muito caro ter muitos gestores.

Existem algumas formas de contornar isso, mas não é fácil. Quando eu entrei na SaferTaxi, eu era apenas “City Manager” do Rio e tínhamos um Diretor em São Paulo.. Quando ele pediu demissão, começamos a procura de um segundo City Manager e eu iria para São Paulo.. Quando fizemos a conta no papel, resolvemos que eu poderia ficar nas duas cidades. Uma decisão difícil para mim e o CEO da empresa, pois a partir daquele momento muitas coisas aconteceram.

Decidi que em cada cidade, eu teria um “team leader”, que iriam reportar as principais coisas da semana, mas eles também colocariam e muito as mãos na massa. Esse modelo é muito usado em diversas empresas, você da um fixo um pouco maior para esse supervisor e dá oportunidade dessa pessoa desenvolver as habilidades como líder para uma futura promoção de acordo com o crescimento da empresa.

Minha rotina desde de setembro foi ficar 2 semanas por mês em cada cidade e sempre antes de ir embora, eu fazia uma reunião geral com a equipe local.. Você precisa ouvir seus funcionários, todos!

Confesso que eu já estava cansada no segundo mês. Em relação à vendas, fomos muito bem sucedidos, conseguimos manter o crescimento planejado e desenvolver a habilidade de todos com relação à relatórios, entendimento da importância de metas e o cumprimento delas e sobre a união deles como um todo.

A desvantagem disso é que principalmente no Brasil, cada cidade tem uma rotina diferente com relação a tudo, sempre disse ao meu chefe “o Brasil tem vários países dentro dele” e que no começo uma equipe pode ter ciúme da outra, faça competições saudáveis que todos sairão ganhando!

Essa foto é mais um dia de viagens Rio-São Paulo!!! =)

Beijos

Talita Lombardi

@talilombardi

Fan Page do Startups Stars

Minha Fan Page

Startups Stars no Google +