Boa noite!

Essa vida corrida de General Manager (Gerente Geral) da SaferTaxi, Blogueira do Startups Stars, Aluna da FGV e Palestrante as vezes me deixa louca. Mas eu me sinto muito feliz quando escrevo para vocês. =)

Esse tópico eu acho de suma importância, pois as vezes não identificamos pequenos problemas que podemos evitar dentro de nossas empresas, ainda mais quando se tem investimento e as pessoas se perdem na hora de alocar a grana. Em uma outra startup que eu trabalhei, cheguei a ter 5 chefes e um ficava batendo cabeça com o outro.. e eu no fundo pensava.. “eu preciso no máximo de 1 dos 5”.

Quando eu entrei na Safer, o quadro já era bem mais enxuto. Até que nosso diretor saiu para investir na própria startup e eu, fiquei no meio da decisão… Não posso entrar em muitos detalhes, mas eu digo a vocês.. Chamem pessoas que vestem a camisa da empresa. Eu sou aquela que acreditou no projeto e agora vivo 15 dias no Rio e 15 dias em São Paulo.. E sempre que posso, dou um pulo no Nordeste para dar um beijo na minha família.

As vezes pode ser muito mais “negócio” ter mais pessoas operacionalizando, do que simplesmente chefes. Vocês precisam encontrar pessoas multi-tarefas, dedicadas, engajadas e principalmente, apaixonadas. A depender do tamanho da empresa, concordo que é necessária a presença de diversas pessoas-chave, mas nem uma delas pode ser apenas a que manda, todos temos que colocar a “mão na massa”. Se sua startup não tem o risco de quebrar, já não precisa de investimentos.. então ela já pode ser considerada uma empresa.. então ai sim, tragam pessoas mais preparadas para manter a empresa do que simplesmente apaixonadas.. Manter é diferente de fazer crescer, digo isso porque conheço pessoas que fizeram a startup se transformar em empresa e agora ela não precisa mais daquela energia inicial…

Beijos!

Talita Lombardi

Fan Page do Startups Stars

Minha Fan Page

Startups Stars no Google +

http://www.startupsstars.com/