A tecnologia dos assistentes de voz já é uma realidade. O que antes começou com uma simples voz nos smartphones, hoje são verdadeiros ajudantes de uma casa inteira. A Amazon foi uma das primeiras a criar displays inteligentes, resultando no Echo Show – assistente direto da Alexa.

Com isso, a Google também entrou na disputa com seu Home Smart Speaker e Home Hub. Consequentemente, outras marcas lançaram seus próprios modelos. No entanto, Google e Amazon roubaram a cena do mercado de assistentes de voz.

No início, a empresa da Alexa não conseguiu entregar a perfeição com seu primeiro dispositivo. Entretanto, converteu para um produto de alta qualidade na segunda geração. E conquistando ainda mais com seu Echo Show 5. A Google, por sua vez, não surpreendeu tanto com seu Nest Hub. Já que as mudanças ficaram apenas no nome.

Diante o complexo – e ainda novo – mercado de assistentes de voz, qual pode ser considerado melhor?

A disputa entre os assistentes de voz

Enquanto os dispositivos Echo utilizam a Alexa, os do Google Home usam o Google Assistant. Tanto um quanto o outro receberam importantes atualizações, mas que ainda seguem em desenvolvimento de melhora.

No entanto, o Google Assistant é considerado melhor quando o assunto é linguagem natural. Isso porque a Alexa é exigente com sintaxe, mesmo que tenha melhorado depois de constantes atualizações. Com isso, ao utilizar o Assistant, não é preciso se preocupar tanto com expressões corretas nos comandos.

Em outro segmento, o Alexa possui um suporte de terceiros mais robusto. Ainda que a maioria das habilidades é mais enigmática do que útil. E isso só complica com a necessidade de precisar usar as sintaxes corretamente.

Mas a superioridade da Amazon nesse quesito está na questão de conseguir suportar mais dispositivos domésticos inteligentes para comando de voz.

Ainda assim, a menos que você tenha dispositivos de automação muito esotéricos, é possível controlar sua casa facilmente com um dos assistentes de voz. Mas, ainda há outras categorias para se analisar.

Tela

Na atualidade, o Echo Show é responsável por ter a maior tela sensível do mercado. Com 10 polegadas e com resolução de 1280×80. O próximo modelo da Google – o Nest Hub Max – promete uma exibição parecida.

Apesar do tamanho da tela não ser o fator essencial, os dispositivos do Echo Show não mais avançados na questão de utilidade. Os assistentes do Google, de maneira geral, não possuem muita utilidade com as telas. Tanto que eles oferecem controles para dispositivos domésticos inteligentes.

Som

Da mesma maneira que os assistentes de voz da Echo surpreendem no tamanho, também surpreendem no som. Isso porque o Echo Show possui alto-falantes muito poderosos dentro da sua faixa de preço.

Enquanto o Nest Hub é muito inferior. Há uma diferença drástica entre um modelo e outro em termos de qualidade de som. O Echo Show 5, por sua vez, não evoluiu no quesito e possui uma qualidade semelhante a do concorrente.

Entretanto, o Nest Hub Max vem com a intenção de chegar perto do Show.

Suporte de mídia

Os dois servem como alto-falantes para músicas ou vídeos. Mas nenhum deles foram projetados para exibição de filmes ou programas de TV. E é justamente nessa categoria que entra a disputa dos serviços de streaming.

Isso porque, tanto o Echo Show quanto o Show 5 conseguem acessar a Amazon Music e Video. O Show ainda oferece serviços terceiros, como Hulu, NBC e Vevo. Enquanto o Show 5 não possui o Hulu.

O Nets Hub, no entanto, acessa o YouTube e o YouTube Music. Quanto a serviços terceiros, o dispositivo oferece compatibilidade com o Google Cast.

Na parte da música, as duas marcas de assistentes de voz são mais flexíveis. As duas oferecem o iHeartRadio, Pandora e Spotify. E, caso não conseguir encontrar um serviço, pode conectar através do Bluetooth e transmitir qualquer conteúdo.

Preço

De longe, é a categoria que mais mexe com o consumidor. Até porque os dois assistentes de voz exigem um investimento considerável.

A vantagem é que é fácil saber os valores, já que eles correspondem ao tamanho do produto. Consequentemente, o Echo Show é o dispositivo mais caro, custando US$ 230 (média de R$ 866). Logo abaixo vem o Nest Hub, por US$ 130 (R$ 489, em média).

Neste ponto, o Echo Show 5 é o mais barato, sendo vendido por US$ 90 (R$ 339, em média). Isso faz dele o dispositivo com tele inteligente mais atraente do mercado.

FONTE