A Internet tem revolucionado diversos setores da economia, e um deles é o turismo, que tem se beneficiado muito em alguns aspectos, mas em outros tem sido obrigado a se reinventar.

Um exemplo é que antigamente as pessoas somente tinham opção de se acomodar em hotéis ou pousadas, enquanto atualmente existem diversas maneiras de encontrar acomodação através da Internet. Por isso o setor hoteleiro tem sofrido cada vez mais com a concorrência.

Diante disso, vamos analisar de que maneira as startups na área do turismo têm provocado uma mudança neste mercado e quais são as empresas que estão revolucionando este ramo.

Como a internet tem beneficiado o ramo do turismo?

 Com o avanço cada vez mais veloz da tecnologia, a única solução para os diferentes ramos da economia que são afetados por ela é se adaptar, e é isso que tem acontecido com o turismo.

Dentre as vantagens que a Internet tem proporcionado para esse setor estão:

  • Maior proximidade entre clientes e empresas;
  • Maior agilidade das empresas em responder as dúvidas dos usuários;
  • Reserva de passagens e hospedagem de forma direta.

Além disso, o consumidor foi o maior beneficiado com isso, pois com o surgimento de diversas startups novas neste ramo, é possível viajar de forma muito mais econômica atualmente.

Isso sem falar dos diversos destinos turísticos que ganharam destaque nas redes sociais nos últimos anos. Isso acabou levando muitos visitantes a conhecerem lugares que nem imaginavam existir.

Fonte: Pixabay

Quais são as startups que tem se destacado no setor turístico?

Uma das startups mais conhecidas, o Airbnb, tem transformado a maneira como os visitantes fazem suas viagens, pois, se antes eles ficavam hospedados em um hotel, agora muitos preferem ficar hospedados pela plataforma para ficar na casa de pessoas locais e sentirem-se melhor acolhidos nas cidades pelas quais passam.

Outra empresa de tecnologia muito conhecida é o friend theory, que oferece a possibilidade de que você se conecte com amigos de pessoas que você já conhece através das redes sociais, assim você tem a possibilidade de ser ajudado por uma pessoa local durante a sua viagem e se hospedar sem custo algum.

Além disso, existem startups que buscam voltar seu trabalho para causar impacto social, como é o caso da Go Diáspora, uma agência que oferece intercâmbios a preços mais econômicos em locais onde a cultura negra está muito presente.

Fonte: Pixabay

Quais são as tendências do setor?

Uma tendência que tem se verificado é que os viajantes têm buscado cada vez mais viver aventuras únicas nos lugares em que visitam, como fazer uma caminhada pelos Alpes Suíços ou mergulhos em barcos naufragados.

Além disso, mulheres que escolhem viajar sozinhas também estão em alta, e muitas startups tem focado as suas atividades em atender esse público.

Outra tendência são os roteiros que levam em conta os melhores locais para tirar fotos para as redes sociais. Isso também tem levado muitas pessoas a darem cursos de fotografia para smartphone.

Por isso, é muito importante ficar atento e aproveitar o excelente momento que o setor turístico tem vivido na Internet, para encontrar outras maneiras de viajar e viver experiências diferentes.