Audi e Hyundai: Quando nós falamos sobre carros, nós adentramos em um campo que está sempre em busca de novidades tecnológicas. Seja carros voadores, sem motorista ou com novos combustíveis, as empresas estão sempre em busca de melhorias.

A Audi e a Hyundai são duas empresas gigantes no que diz respeito ao mundo automotivo. As duas anunciaram que estão unindo forças para desenvolver carros movidos a hidrogênio.

Audi e Hyundai

Audi e Hyundai

O acordo da Audi e Hyundai

O acordo entre as empresas garante que todas as pesquisas – e resultados – que dizem respeito aos carros movidos a hidrogênio serão compartilhados pelas duas.

A Hyundai – montadora sul coreana – e desenvolvedora do ix35- que já foi preparado para usar o hidrogênio – espera que, com a parceria, eles consigam reduzir custos, deixando a tecnologia mais lucrativa e atraindo mais consumidores.

Uma das vantagens que já foram apresentadas por essa junção, é o fato de que a Audi – montadora alemã – está desenvolvendo novos componentes de hidrogênio e a Hyundai terá acesso a todos eles. A Audi é a responsável por essa tecnologia no grupo Volkswagen.

No ano passado, a Hyundai vendeu 200 carros de hidrogênio e esse número está longe de ser o ideal para que a montadora possa obter lucros. De acordo com Hoon Kim, diretor de pesquisa e desenvolvimento nessa área, somente a venda de 100 mil ou 300 mil veículos por ano por montadora, representaria um lucro real.

As vantagens dos carros de hidrogênio

Como o hidrogênio é um composto químico, pode ser comprimido, transformado em gás. Por isso, o tempo de abastecimento é muito mais rápido do que os combustíveis convencionais. Além disso, como o gás não ocupa tanto espaço, a quantidade armazenada se torna maior, dando mais autonomia para o veículo.

Outro ponto positivo é o fato de que o carro que funciona com hidrogênio libera vapor de água, tornado-se uma ótima opção para evitar a poluição do planeta.

Limitações da Tecnologia

O primeiro fator negativo desses carros é o seu alto custo. Como toda nova tecnologia, os custo de produção ainda são muito elevados e isso é refletido no repasse aos consumidores.

O baixo número de consumidores também faz com que o mercado não se prepare para atender à essa demanda, por isso, ainda são poucos os postos de combustíveis que abastecem carros movidos a hidrogênio.

 

 

Fontes: https://veja.abril.com.br/economia/hyundai-faz-alianca-com-audi-focada-em-tecnologia-de-carros-a-hidrogenio/

 

Fan Page do Startups Stars

Instagram do SS

Blog de Empreendedorismo

Startups Stars no Google +