Boa tarde, pessoal. Tudo bem com vocês?

A nossa startup convidada de hoje é a carioca Droplist, que veio ajudar a nós, homens que temos problemas para escolher presentes para nossas namoradas, noivas e esposas. A ideia da plataforma é permitir que a pessoa crie uma lista de desejos, compartilhando com os amigos para facilitar a vida de quem quer presenteá-la. Quem conversou conosco foi o CEO e fundador, Roberto Gaspar. Confira abaixo como foi o nosso bate-papo:

1 – O que é sua startup e como surgiu a ideia?

É um site para criação de listas de presentes e compartilhamento com os amigos e familiares. A ideia surgiu da dificuldade que eu tinha em dar presentes para minha mãe e minha avó, e que piorou quando comecei a namorar.
Como trabalhava com web, minha mãe sugeriu criar uma lista online para eu consultar. Após perguntar como as pessoas resolviam o problema de acertar o presente, descobri que ninguém sabia como resolver certo. Foi então que chamei um amigo para desenvolver em parceria o Droplist.

2 – Como enxerga sua startup em dois anos? Tem potencial de crescimento?

O número de vendas online só aumenta e nessa onda queremos embarcar o Droplist. Com parcerias com lojas on-lines, queremos vincular a plataforma nas lojas e posicionar como referência de wishlist nos sites, além de tornar o Droplist em mais um canal de vendas. Assim como nos buscadores de preços, o site seria um canal de anúncio e venda do produto.LOGO 2 A ideia é que os usuários sejam livres para escolher o presente de qualquer loja e os amigos comprarem o presente pela internet diretamente.

3 – Qual é seu modelo de negócios?

O Droplist tem como usuário internautas que sentem a dificuldade de pesquisar e encontrar um presente adequado para um amigo ou familiar. Com a vida corrida, além de naturalmente ser difícil saber o que a outra pessoa quer, temos a dificuldade de disponibilidade de tempo para a pesquisa e compra do presente ideal. O cliente, quem vai gerar receita para o Droplist, são lojas e fabricantes de presentes que anunciarem ou venderem no site.

4 – O mercado que atua possui diversos concorrentes, qual seu diferencial?

Existem concorrentes nacionais e internacionais. Entre os nacionais, o diferencial do Droplist é a liberdade de uso, pois não limitamos a lista de presente a produtos de uma loja, como ocorre em alguns sites. Além disso, não cobramos do usuário – nem quem pede o presente, nem quem compra o presente -, tornando o site gratuito para qualquer pessoa. Entre os sites internacionais o diferencial está na lista ter produtos brasileiros, possíveis de serem comprados em real.

5 – Por que decidiu empreender?

Entrei na faculdade de marketing com 18 anos e com o objetivo de aprender como cuidar de uma empresa e dar lucro. Desde então, tenho estudado e arriscado em alguns projetos, mas ainda não consegui emplacar 100%. O Droplist é um projeto que fiquei planejando mentalmente por quase um ano até o início do desenvolvimento. Hoje, o que motiva é a possibilidade que o empreendedorismo me oferece. O céu é o limite.

http://www.droplist.com.br/

Fase: Em busca de parceiros e investidores

http://www.facebook.com/Droplist

http://www.youtube.com/user/Droplist

Henrique Schmidt

contato@lapresse.com.br

LaPresse – Assessoria de Imprensa para PME e Startups

Fan Page do Startups Stars