Boa tarde, pessoal! Tudo bom com vocês?

A nossa convidada de hoje é a startup paulista Unicase, que é especializada na criação de cases diferenciadas e únicas para Iphones e Ipads. Chique, né? Com precisão nos detalhes artesanais de cada case, o negócio, que existe a menos de seis meses, promete encantar os consumidores dos produtos da Apple. Quem bateu um papo conosco foi o fundador e diretor da startup, Alexander Braun. Confira como foi a nossa conversa.

1- O que é sua startup e como surgiu a ideia?

Nós desenhamos e fabricamos à mão cases para tablets e celulares com desenhos e materiais diferenciados. Todos os nossos cases tem base de madeira que cortamos para ter um encaixe ideal do aparelho e proteger o mesmo. Queremos fazer um produto de grande utilidade para o cliente que ao mesmo tempo é atrativo e protege o aparelho.

A ideia surgiu quando percebemos no mercado uma escassez de um produto sólido, que protege e que ao mesmo tempo tem um desenho atraente utilizando materiais de alta qualidade de origem nacional com a possibilidade de personalizar desenhos, materiais, cores, etc.

2 – Qual o momento de sua startup?

Lançamos o e-commerce para venda dos nossos cases faz três meses e estamos focando agora no mercado corporativo para oferecer cases personalizados conforme a necessidade do cliente.

Ao mesmo tempo estamos desenhando novos produtos para oferecer nossos cases também para outros aparelhos. LOGOEstamos principalmente em busca de parceiros para distribuição.

3 – Qual foi o primeiro passo para tirar a ideia do papel? Como enxerga sua startup em dois anos? Tem potencial de crescimento?

O primeiro passo foi a busca de matérias primas adequadas e dos equipamentos para a produção. Queremos ser a escolha número um para um case diferenciado e personalizável para pessoas físicas e também para corporativos.

4 – Por que escolheu o mercado no qual está inserido?

O mercado de smartphones, principalmente, está em alto crescimento uma vez que a computação está cada vez mais móvel. O mercado de tablets não cresce mais tanto para o consumidor final, mas o uso de tablets em empresas está em crescimento e está cada vez mais ocupando o lugar de computadores.

5 – Por que decidiu empreender?

Decidi empreender porque tenho bastante experiência em trabalhos artesanais especialmente em relação a madeira e porque enxerguei uma necessidade no mercado que não foi atendida por outra empresas.

www.unicase.com.br

Fase: Em busca de parceiros para distribuição

www.facebook.com/unicasebr

Henrique Schmidt

contato@lapresse.com.br

LaPresse – Assessoria de Imprensa para PME e Startups

Fan Page do Startups Stars