E aí pessoal? Tudo bem com vocês?

É bom primeiro eu me apresentar, né? Meu nome é Natasha Nishida, e eu venho pra mostrar pra vocês um pouco do lado do marketing de Startups (assim como de qualquer outra empresa, independente do porte)

É comum que todas as áreas e pessoas da startup (e até de fora, tia, mãe, avô, paquita, amante, tartaruga, todo mundo acha que é especialista em marketing nessas horas, juro!) resolvam dar seus pitacos nas ações de marketing, como se tudo fosse fácil e claro. Mas gente, se fosse assim, não existiriam especialistas, faculdades, mestrados, etc, certo? Então primeira coisa: Escutem o que as pessoas tem a dizer (até porque ignorar as pessoas é falta de educação =P), mas não se desesperem quando perceberem que cada um te leva pra uma direção diferente.

No início a parte mais importante é vocês pararem sozinhos (pode ser até no chuveiro, porque eu não sei vocês, mas minhas melhores ideias vêm durante o banho) e pensarem: pra QUE e pra QUEM eu estou fazendo essa empresa/serviço/whatever? Ok, tenho isso? Muy bien, então segundo passo:  Qual a minha mensagem principal? Isso inclui formato (se vamos falar de forma informal, se vamos parecer especialistas no assunto), tipos de locução, e uma frase de efeito. Frase de efeito gente, NÃO slogan! é sempre bom uma frase de efeito que faça a comunicação mostrar a que veio. Esse já é um bom começo.

Agora, precisamos pensar objetivamente, qual é o melhor canal pra atingir essas pessoas? Porque pensem comigo, se estamos falando de um público jovem, é óbvio que vamos usar mídias online, redes sociais, etc. Mas e se estivermos falando de algo mais B2B, será que o canal principal não pode ser outro?

Então vamos lá, agora já temos com QUEM queremos falar, COMO queremos falar, O QUE queremos falar e ONDE queremos falar. Parabéns! Você começou seu plano de Marketing, que agora, no início, tem que ser simples mesmo. Mas mesmo simples, pode ser o que vai definir se sua startup vai ter sucesso ou não.

Pra terminar o mais importante é estabelecer uma estratégia e segui-la. Porque isso vai definir sua identidade de marca e quanto mais você mudar sua estratégia de marketing, menos identidade você vai ter e mais confuso você e seu público ficarão.

Pois é, parece óbvio mas é muito difícil ver as empresas colocarem isso na prática. É algo que todo mundo acha que sabe, mas ninguém resolve por em prática da forma correta. Por isso que é tão importante pensar, escrever e traçar sua estradinha, com o mínimo de bifurcações. Com isso você pode caminhar e começar a pensar mais a longo prazo, como ferramentas, metricas melhores, expansões, etc. Mas isso fica pra um proximo papo.

Um beijo a todos e espero que tenham gostado do meu primeiro post!

#StartupStars

Natasha Nishida  =)

@natnishida