Oi gente!

Hoje aqui no blog, uma plataforma completa para busca de profissionais de TI. Fundada em São Paulo, tivemos a entrevista respondida por um dos fundadores, o Rafael Jhony Oshiro! Confiram os detalhes!

O que é a ProgramaThor e como surgiu a ideia?

A ProgramaThor é uma plataforma que tem como objetivo facilitar e acelerar o processo de busca e contratação de programadores e desenvolvedores. Nosso objetivo é conectar os programadores corretos às ofertas de trabalho das empresas. A ideia surgiu por conta das dificuldades enfrentadas por recrutadores e programadores no processo de recrutamento e seleção, que são:

1. Não existência de um local específico para programadores;

ProgramaThor

ProgramaThor

2. Dificuldade de definir corretamente uma boa vaga de desenvolvedor;

3. Por conta das duas primeiras dificuldades, gasta-se muito tempo para encontrar o candidato desejado. No mercado de tecnologia e inovação, a variável tempo é muito importante.

Qual foi o primeiro passo para tirar a ideia do papel!?

Etienne trabalhou por alguns anos em um business semelhante na França, portanto estamos realizando um copycat desta ideia de negócio. Porém, o primeiro passo foi criar um website com as funcionalidades básicas, por exemplo: possibilidade do recrutador postar um trabalho; programadores estarem aptos a criarem perfis; criar uma inteligência de match entre ambos.

Qual o momento da plataforma?

Atualmente, nosso objetivo é ganhar escala. Já validamos nosso modelo de negócio e agora precisamos crescer. A Gventures (aceleradora da FGV) é uma parceira de grande peso para este momento.

Como enxerga a empresa em 02 anos?

Em dois anos, acreditamos que a ProgramaThor se tornará uma das empresas referências no mercado brasileiro de recrutamento e seleção de programadores. Existe bastante potencial de crescimento, tendo em vista que novos negócios estão surgindo e o setor de TI está se aquecendo novamente e, consequentemente, mais programadores serão recrutados.

Qual o modelo de negócios da ProgramaThor?

Na ProgramaThor, a utilização do serviço pelo programador é gratuito, somente o recrutador deve pagar. Existem duas maneiras para o recrutador entrar em contato com os desenvolvedores, que são:

Hunting: o recrutador prospectará o programador que deu match com sua oportunidade de trabalho em nossa plataforma (o programador possui a opção de “aceitar” ou “recusar” para preservar sua identidade).

Fishing: o recrutador pode esperar os candidatos a se aplicarem a sua vaga.

Por que escolheu o mercado que estão inseridos?

Hoje em dia, o número de startups, aplicativos e negócios digitais estão aumentando cada vez mais, assim como a necessidade por contratar um programador. Segundo um estudo de um grande jornal, é esperado que o mercado necessite mais de 750 mil programadores nos próximos 4 anos. Por fim, é senso comum que o mercado brasileiro não é tão maduro com relação a digitalização se comparado com outros países mais desenvolvidos (Estados Unidos, França, entre outros). Ou seja, existe uma tendência enorme de que o país se digitalize e aumente cada vez mais a demanda por profissionais de tecnologia.

Qual o diferencial competitivo da startup?

Todas as plataformas existentes no mercado possuem foco nas empresas, enquanto que as mídias sociais e a comunicação utilizada pela ProgramaThor têm como objetivo criar um relacionamento mais próximo com o programador e atrair novos perfis para a plataforma. Além disso, a maioria dos nossos competidores trabalham com um sistema de cobrança semelhante ao sistema que os Head Hunters utilizam, chamado success fee (taxa de sucesso). Neste sistema, a empresa (recrutador) deve pagar no mínimo 1 salário mensal bruto de um desenvolvedor, caso contrate um desenvolvedor indicado pela empresa (por exemplo: um desenvolvedor com um salário mensal de R$6.000, pelo sucess fee custará R$6.000). Já com a ProgramaThor, as empresas conseguem recrutar mais de 10 programadores pelo mesmo valor. Outro diferencial são as nossas certificações de competências dos programadores. Por meio de testes de skills, separados por linguagem e nível de experiência, o programador consegue ter um certificado dentro da plataforma que o destaca frente aos outros programadores. Com isso, tanto empresa quanto programador se beneficiam deste recurso.

Apresenta o time!

Etienne Curati (Co-Founder & CEO) é um empreendedor francês com vasta experiência como Product Manager, desenvolvedor Full Stack, Marketing e Online acquisition. Por 6 anos, ele foi responsável por desenvolver novos negócios em aplicativos mobile e websites para diferentes tipos de empresas (desde startups até empresas multinacionais). Na França, durante 2 anos, ele ficou responsável pelo marketing e user acquisition de uma startup que atua no mesmo segmento que a ProgramaThor.

Rafael Jhony Oshiro (Co-Founder & COO) é administrador de empresas formado pela FGV-EAESP, graduado também no ACP Project Management pela Universidade de Califórnia – Irvine. Teve passagens pela área comercial da Microsoft e YR Advisory Group, empresa de investimento em real estate na Califórnia.

URLhttps://programathor.com.br/

Fanpagehttps://www.facebook.com/ProgramaThorBr/

Twitterhttps://twitter.com/ProgramaThor

Instagramhttps://www.instagram.com/programathor/

*O conteúdo do Startup da Vez é publicado pelo StartupsStars sem qualquer alteração nas respostas fornecidas pelas startups participantes e de exclusiva responsabilidade dos próprios.

Quero participar do Startup da Vez!

Beijos

Talita Lombardi

Instagram Talita Lombardi

Twitter: @talilombardi

E-mail: talita@startupsstars.com

Fan Page do Startups Stars

Blog de IntraEmpreendedorismo

Youtube para Empreendedores

 

 

Use Facebook to Comment on this Post