São muitos os pedidos, os sonhos, os desejos… mas o fato é: o que realmente fará de 2016 o ano que você quer são as suas atitudes. A forma que VOCÊ escolher se comportar fará dos seus anseios uma realidade.

 

Em uma reflexão nesta virada de ano, pensei: Quero ser melhor!

 

A frase me pareceu muito genérica e, como sei da importância de especificar meus objetivos, comecei a destrinchar ainda mais as possibilidades dessa ideia. Neste exercício de especificação, pensei nos principais valores que deverão fazer parte dessa evolução de mentalidade neste ano. No lado pessoal, escolhi o amor, a paciência e o equilíbrio. No profissional, o alinhamento com o propósito, a cadência e a disciplina. Por mais que estes dois aspectos sejam de grande importância em minha vida, pretendo focar esse texto apenas na perspectiva profissional.

 

O mais importante em decisões como esta é saber que o acaso não trará esta evolução, mas sim as minhas escolhas. Com isso, entendo que algumas destas escolhas poderão sacrificar resultados a curto prazo, mas serão compensadoras à medida que a maturação de cada projeto for ocorrendo durante a consolidação de bases estáveis. É claro que minha maturidade e experiências passadas serão muito importantes neste momento, mas acredito que os erros cometidos anteriormente servirão como aprendizados indispensáveis às decisões a ser tomadas no decorrer deste ano.

 

Como exemplo para que você, leitor, possa refletir, cito a importância da cadência durante nossa dedicação a um empreendimento. Tenho como uma das minhas principais características a intensidade, uma capacidade de imersão total em um projeto já desde os primeiros momentos de contato. O problema é que, por vezes, num passado não tão distante, não tive a cadência que precisava para alcançar resultados melhores, mesmo com toda a energia que eu investira. E por falta desta cadência, deixei ativos importantes para trás.

 

Em muitas das decisões que tomei — e em grande parte por falta de alinhamento com o propósito —, escolhi caminhos que conseguiam, de fato, trazer resultados incríveis, porém pontuais. Seriam resultados incapazes de serem prorrogados além de um breve momento inicial. Deixei de lado, dessa forma, oportunidades de criar algo alinhado com meus valores e minhas crenças, algo que de fato contribuísse para o meu legado.

 

É claro que as escolhas tomadas neste ano devem se harmonizar com o momento pessoal. O contexto no qual se está inserido será fundamental na opção pelos caminhos a serem percorridos. Os resultados de 2016 serão o fruto das decisões, iniciativas, atitudes, preparo e escolhas dos anos anteriores. Da mesma forma, os resultados de 2020 serão o fruto das escolhas realizadas em 2016 e nos próximos três anos.

 

Sou inquieto e incomodado com o status quo, mas sou extremamente motivado e apaixonado pelos meus objetivos e meu legado. Quero ao meu lado pessoas que tenham a capacidade de sonhar e, ao mesmo tempo, a disciplina para executar.

 

Desejo a você um 2016 especial e espero que possamos trocar informações e experiências que contribuam com os nossos legados!

RB

 

#HandsOn

 

Sigam-me nas redes sociais: sou @rodrigobarrostv em todas elas; no Snapchat sou rb.barros

 

http://handson.tv — Conteúdo em vídeo selecionado por empreendedores para empreendedores.
http://www.rodrigobarros.com.br/